(84) 99174-7799

NO AR

Só as Melhores

Com Auto DJ

ceara_mirim

NAPS 10 anos: casamento coletivo une oficialmente mais de 200 casais em Ceará Mirim

Publicada em 24/11/17 as 19:58h por TJRN - 378 visualizações


Compartilhe
   

Link da Notícia:

O Núcleo de Ações e Programas Socioambientais do TJRN (NAPS) realizou, na manhã desta sexta-feira, 24, o último casamento comunitário de 2017, em uma solenidade que aconteceu no ginásio esportivo Aderson Eloy, no município de Ceará Mirim, na Grande Natal. O evento, que marca também as comemorações dos dez anos de atividade do NAPS, é resultado de uma parceria do Poder Judiciário com as prefeituras, que firmam convênios para viabilização, em suas cidades, dos projetos desenvolvidos pela Corte potiguar.

Para a coordenadora geral do Núcleo e corregedora geral de justiça, desembargadora Maria Zeneide Bezerra, o evento comemorativo tem um elemento a mais, de caráter emocional. "Trabalhei aqui como juíza e sai chorando, em 2010, e sinto Ceará Mirim como uma terra natal para mim e fico feliz em ver que os projetos sociais do TJRN estão beneficiando este município também", comenta a desembargadora, que, em seu discurso, destacou o recebimento do "Selo Ouro" pelo TJRN, dado pelo Conselho Nacional de Justiça aos tribunais mais bem avaliados.

Os benefícios citados pela corregedora geral recaem sobre os números divulgados pelo Núcleo nesta sexta-feira: com o casamento comunitário em Ceará Mirim, o TJRN atinge o quantitativo de 2464 casais que, por meio de uma parceria com as prefeituras e os cartórios de cada região, são dispensados das taxas relativas ao casamento.

"Esta parceria com o município já dura mais de dez anos", complementa a desembargadora, que abriu a solenidade, a qual contou com a presença de vereadores, do prefeito Marconi Barreto, além do juiz Demétrio Trigueiro, titular da 1ª Vara Cível da Comarca de Ceará Mirim, o qual presidiu o casamento coletivo. Nesta edição, foram 208 casais que puderam dizer o planejado "sim".

Programa social
"São atendidas pelo casamento comunitário gratuito, desempregados ou que tenham renda de até dois salários mínimos", completa Rossini Pimentel, coordenador da cerimônia coletiva, ao destacar que todos os casais passam por palestras e orientações jurídicas e realizam um cadastro prévio nos respectivos cartórios de suas cidades. "Muitos não conhecem seus direitos. Não sabem que tem direito a isenção da taxa cobrada nos ofícios de notas e, por isso, o NAPS chega prestando esse auxílio, com visitas nas cidades e a exposição dos temas que orientam aos casais", explica Rossini.

Dentre os casais beneficiados, participaram da solenidade o cozinheiro aposentado, Francisco de Assis Bezerra, com 68 anos, e Maria Madalena do Carmo, com 62, os quais já convivem há 17 anos. "Queríamos assinar o papel, porque sou católica e queria ficar em paz com minha consciência", disse a noiva pouco antes de participar da cerimônia. "É a nossa motivação também. Como somos evangélicos acreditamos que fazemos a vontade de Deus assinando o papel", diz o noivo mais novo da solenidade, o costureiro Adailton dos Santos, de 22 anos, junto a sua noiva, Maria Cláudia de Oliveira, com 17 anos.

Ao todo, o NAPS realizou 22 edições do Casamento Comunitário, sendo duas delas realizadas dentro das ações do Programa Justiça na Praça e as outras 20, inseridas nas ações do programa "Conheça seu Direito". Em Ceará Mirim, foram duas cerimônias coletivas em 2017.









.

LIGUE E PARTICIPE

(84) 3274 3578

Visitas: 1078869
Usuários Online: 29
Copyright (c) 2018 - 87 FM Vale Verde - Desenvolvido por 87 FM Vale Verde